.

Sex - Adriano volta a falar, minimiza problema da bebida e não teme ficar fora da Copa

12/03/2010 18:31

 

Adriano, enfim, voltou a conversar com os jornalistas, algo que não acontecia desde fevereiro. Confirmado para o clássico de domingo, contra o Vasco, às 19h30, no Maracanã, pela quarta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Estadual, o atacante rompeu o silencio e, nesta sexta-feira, na Gávea, falou sobre os problemas com a noiva Joana Machado, bebida, drogas, família e seleção brasileira.

O jogador negou, mais uma vez, ser usuário de drogas e disse ainda que o problema da bebida é aumentado por ser tratar do Adriano (fato revelado pelo vice de futebol do Flamengo, Marcos Braz). O Imperador também não teme perder sua vaga na seleção brasileira para a Copa do Mundo, na África do Sul.

“Se eu usasse drogas, já teria sido pego no exame antidoping. Ela não sai de uma hora para outra. Nunca usei, nunca provei e tenho a consciência tranquila”, salientou, acrescentando sobre a sua noiva.

“Quem nunca brigou com uma mulher? O carinho dela me fortalece. Estou bem, nunca perdi alegria de jogar. Estou pensando apenas no clássico de domingo”, emendou.

Confira os trechos da entrevista

Bebida

“É normal tomar cerveja. Só falam por ser o Adriano e acabam aumentado. Como sou da favela, dizem isso. As pessoas colocam no jornal e esquecem que tenho família. Se eu bebesse tanto como falam, não conseguiria jogar.”

Drogas

“Minha mãe vai algum jogo do Flamengo ou mercado e dizem que seu filho é drogado. Meu filho sai e dizem que o pai é drogado. Antes de colocaram as coisas no jornal, precisam saber o que aconteceu.”

Joana Machado

“Quem nunca brigou com uma mulher? O carinho dela me fortalece. Disseram que eu pedi para acorrentá-la (aos traficantes no baile funk). O problema foi que ela ficou nervosa, pois não cheguei na hora marcada. Ela me empurrou e discutiu com o Bruno. Ela gosta de mim.”

Mundial 2010

“O Dunga me conhece bem e está passando confiança. O Jorginho (auxiliar técnico da seleção) conversou comigo (na praia, na última quinta-feira) e disse que está comigo. Não tem esse oba-oba de ficar fora da Copa do Mundo. As pessoas sabem do que sou capaz e muitas querem o meu bem. Tudo isso me deu ainda mais motivação.”

Abandono da carreira

“Nada disso. Este episódio me deu ainda mais força. Você precisa cair para aprender a se levantar. Acaba ficando malandro para isso não acontecer mais. Nunca pensei em desistir (conforme o seu empresário, Gilmar Rinaldi, confirmou ao UOL Esporte). Eu iria decepcionar a minha família.”

Peso

“Falaram que eu estava com 106 quilos, mas estou com 101. Meu peso ideal é 99. Estou falando a verdade e as pessoas inventam muitas coisas.”

Conversa com Patrícia Amorim

“Tive com ela. A presidente quis saber qual era a verdade, pois tinham muitas notícias na imprensa. A diretoria do Flamengo disse que está comigo.”

Motivo do silêncio

“Para que eu vou falar se já sabem tudo de mim? Ano passado estava vindo com freqüência, mas começaram a falar muitas coisas e acabei parando de dar entrevistas.”

Fonte>UOL

Voltar

Pesquisar no site

mengaonet© 2010 Todos os direitos reservados.

www.mengaonet.com.br